O Secretário de Indústria e Comercio, Bruno Bezerra, informou ao Diário da Sulanca que na reunião realizada na última semana com o vice-governador João Lyra Neto ficou acertado que as operações da Secretaria da Fazenda seriam suspensas até o próximo dia 31 de maio, quando o município iria apresentar uma proposta tributaria para o polo de confecções.

Nos próximos dias o secretário deverá se reunir com representantes de vários seguimentos econômicos do município e com o governo do estado para encontrar uma saída para o impasse.

Por Emanoel Glicério | Marcadores: , ,

6 comentários:

  1. LIDIANE DE TORITAMA TAMBEM TRABALHO NESTE IMPREENDIMENTO disse...:

    com certeza precisamos resolver esta situacao pois precisamos trabalhar dignamente e com liberdade sem esta se escondendo de ninguem os nossos politicos que foram escolhidos pelo o povo tem que neste momento se mexer e nos ajudar.OKY

  1. Anônimo disse...:

    "PENSE NUMA POTÊNCIA!!!! AEITA MORAL DA PORRA!!!... SERÁ O NOVO MINISTRO DE DILMA."

  1. Anônimo disse...:

    ELE QUE MAIS IMPOSTO, PARA AJUDAR EDSON, QUE VERGONHA O POVO DEU ESTE CHANCE, ESTAMOS TODOS ARREPENDIDOS.

  1. Anônimo disse...:

    Novidade, agora ta faltando algum que tem atitude e palavra de homem, não seja apenas convesadores e aproveitadores

  1. Anônimo disse...:

    Potência é o deputado ficha suja que nem uma ligação para o governador consegue fazer pois não é atendido e fica feito um boboca no meio do povo querendo dar uma de lider. Deputado ficha suja que uns coitados intitulados Otarioquinhas tentam resgatar.

  1. Anônimo disse...:

    Parabéns Bruno Bezerra pelo seu empenho nessa luta pela sobrevivência do Polo de Confecções de Santa Cruz e desse Nordeste Tão sofredor, que muitos só lembram em período de Eleições. Desde já, quero lhe dá um exemplo para que vc posso nessa reunião com o governador implantar aqui em Santa Cruz do Capibaribe e Região, que são os incentivos fiscais que existem na Zona Franca de Manaus, desde que Brasíl é Brasil. Boa Sorte Nessa Reunião, pois, todos os sulanqueiros e sobreviventes de Santa Cruz do Capibaribe precisam dessa ação para sobreviver.


    Assinado : Paulo