Revoltado com os discursos dos vereadores governistas, que acusavam o grupo Taboquinha de ter deixado um rombo de mais de 50 milhões de reais nos cofres públicos o petista Deomedes Brito propôs a criação de uma CPI para investigar as gestões municipais nos últimos 30 anos.

Apesar de ser naturalmente inviável a CPI, caso fosse implantada, investigaria todas as gestões municipais a partir do governo do ex-prefeito Augustinho Rufino de Melo (1983/1988), passando pelas gestões de Ernando Silvestre (1989/1992), Aragãozinho (1993/1996), Ernando Silvestre (1997/2000), José Augusto (2001/2008) e Toinho do Pará (2009/2012).

Deomedes criticou também a crucificação que estão fazendo do ex-prefeito Toinho do Pará (PTB) para tentar encobrir supostos escândalos da atual gestão.


“Se Toinho fez coisas erradas que pague, mas não podemos apontar erros do passado para encobrir outros” enfatizou o petista.

Por Emanoel Glicério | Marcadores: , , ,

7 comentários:

  1. Anônimo disse...:

    EU SINTO VERGONHA DOS VEREADORES DE SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE/PE.



    BELO ADESIVO.

  1. Anônimo disse...:

    PARABÉNS VEREADOR FALOU A VERDADE.

  1. Anônimo disse...:

    Na Câmara tem dois "doidos" desqualificados pra função de vereador, a saber:Diomedes e Zé Minhoca dador de bilhetinho pra encobrir crimes no transito. eu tenho três destes.

  1. Anônimo disse...:

    valeu Diomedes brito o vereador do povão cada dia fico feliz em ter votado em voce.

  1. Anônimo disse...:

    bota furando vereador macho da porra.

  1. Anônimo disse...:

    não votei n aoutra eleição mais com certeza estarei com voce na proxima

  1. Anônimo disse...:

    Deveria se fazer uma apuração das casas da acauã. Diomedes mesmo já tendo casa propria e até mercado, se pasou por coitadinho e invadiu o melhor imovel do programa de habitação.