O vereador Ronaldo Pacas (PSDC) deverá anunciar nos próximos dias o seu apoio ao deputado federal Mendonça Filho (DEM).

Aliado histórico do grupo Mendonça o vereador vem conversando com o deputado para criar uma agenda positiva para o município e recuperar o prestígio que o sobrenome Mendonça já obteve na Capital da Sulanca.

Em 2010 Mendonça Filho apoiou a candidatura de José Augusto (PTB) a prefeito, mas após o pleito acabou se afastando dos Taboquinhas.

Mendonça começa a reunir apoios e já conta com nomes como Zilda Moraes, Ernando Silvestre e Ronaldo Pacas.

Por Emanoel Glicério |

O número de projetos e proposições apresentados pelos 25 deputados federais de Pernambuco desde 1º de fevereiro de 2011 impressiona. Segundo informações levantadas pelo Diario, há 796 propostas em tramitação e os dados são capazes até de animar os dedos na hora de teclar os dígitos e votar em 2014. Mas é preciso acompanhar as matérias de perto para saber se o seu deputado não está apenas “fazendo de conta” ou “copiando e colando”. Para se ter uma ideia, existem 178 projetos de lei apresentados nessa Legislatura sem prazo de apreciação. Isso não leva em conta os que receberam o carimbo de “arquivados” e foram parar no lixo eletrônico. 

A dificuldade de apresentar bons projetos e aprová-los é tão grande que só reforça a importância da pressão nas ruas e das redes sociais. Em estatísticas apuradas no site oficial da Câmara dos Deputados, somente três projetos de lei e uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) dos deputados pernambucanos foram votados em plenário do início de 2011 até a semana passada.

Dois projetos conseguiram “vingar”, como se diz no interior do estado. Viraram lei a PL 3.937/04 e a PL 84/99, respectivamente de Carlos Eduardo Cadoca (sem partido) e de Luiz Piauhylino, que saiu da política e voltou a advogar. A primeira compôs o sistema brasileiro de defesa da concorrência e a segunda caracterizou como crime virtual a utilização indevida de senhas e ataques praticados por hackeres em home pages. Outras duas, contudo, ainda estão no Senado, a PEC 153/03, de Maurício Rands (sem partido), e a PL 2.729/11, de Mendonça Filho (DEM).  

Observe, contudo, que entre essas quatro apreciadas em dois anos e meio, apenas o projeto 2.729/11, que trata das alíquotas das Contribuições Sociais para o Pis/Pasep e Confis, é da atual Legislatura. As demais, vêm de longe. Maurício Rands, por exemplo, renunciou ao mandato de deputado em 2012 sem ver sua PEC, que regulamenta a carreira de procurador municipal, sair do Senado. “Às vezes, um projeto passa cerca de cinco anos para virar lei e um parlamentar não pode ser avaliado pelo volume do que apresenta, mas pela qualidade”, explica Cadoca. 


Outra dica para acompanhar o desempenho dos parlamentares, portanto, é observar a assiduidade. Se eles estão fazendo discursos na tribuna ou presentes nas sessões deliberativas, pode ser um bom sinal. “É muito fácil para um parlamentar justificar a ausência, porque ele pode alegar que está numa atividade partidária. Há os deliberadamente faltosos e gazeteiros”, afirmou ao Diario Sylvio Costa, fundador e diretor do Congresso em Foco, primeiro site especializado na Cobertura do Congresso Nacional.  

Por Aline Moura

Por Emanoel Glicério |


O ex-vereador Carga Pesada foi indicado pelo prefeito eleito do Brejo, Roberto Asfora (PSDB), para administrar o distrito de Fazenda Nova, onde fica o maior teatro ao ar livre do mundo.

De acordo com Carga Pesada a indicação foi um presente do prefeito eleito, e garantiu que se esforçará ao máximo para ajudar a “reconstruir o Brejo”.

“Fiquei muito feliz com o convite e apesar de saber que vamos encontrar muitos problemas, principalmente nas áreas de saúde, Infraestrutura e segurança estou pronto para o desafio e tenho certeza que em pouco tempo Roberto Asfora vai colocar as coisas no lugar, ele já mostrou que sabe fazer” afirmou Carga Pesada

O prefeito eleito, Roberto Asfora, e o vice Zé Dercilio tomarão posse nesta quarta-feira (31) às 20 horas na Câmara Municipal, em seguida receberão a chave da cidade e às 22 horas será realizada a festa da posse com as bandas Asas da América e Axé Retrô.

Por Emanoel Glicério | Marcadores: ,


O deputado estadual Diogo Moraes (PSB) esteve reunido com os vereadores do Brejo da Madre de Deus, Bolão (PMN) e Josevaldo (PTB).

Na ocasião realizaram visitas as comunidades de Tabocas, Cachoeira de Mandaçaia e ao Distrito de Mandaçaia. Além das visitas, o deputado e os vereadores aproveitaram a ocasião para tratar de diretrizes da oposição brejense.

“Faremos uma oposição propositiva e com ações em prol do povo do Brejo da Madre de Deus”, pontuou Diogo Moraes.

Por Emanoel Glicério | Marcadores: ,


No último sábado o secretário de Planejamento e Gestão de Santa Cruz do Capibaribe, Luciano Bezerra, concedeu uma entrevista no programa Espaço Popular, transmitido pelas rádio Taquaritinga FM 104,9 e Vale AM 1370 Khz, na oportunidade o secretário tirou dúvidas e explicou como a prefeitura está desenvolvendo o projeto da cobertura do calçadão do Moda Center, que beneficiará os comerciantes da região que vendem na área, já batizada por muitos de "poeirão".

Apresentado por André Luís e pelos blogueiros Júnior Albuquerque e Paulo Pereira, o programa Espaço Popular levantou questões que estão entre as principais interrogações dos feirantes, além de vários pontos referentes a execução do projeto. Luciano Bezerra destacou com dados, informações e números detalhados todo o projeto, confira alguns trechos da entrevista:

O Projeto

Esse projeto é um sonho que está se concretizando para a população santa-cruzense. Com a mudança da feira saindo do centro da cidade, houve um grupo de pessoas que ficaram à margem da dignidade de comercializar as suas mercadorias, colocadas naquela área chamada de Calçadão, apelidada de "poeirão", hoje, quando chove a gente nem encontra adjetivos para citar como está aquela situação. Havia uma preocupação do prefeito Edson Vieira em dar condições dignas à população, que ali estava vendendo suas mercadorias. Na primeira oportunidade em que o prefeito Edson teve de obter recursos para investir na cidade, ele não pensou duas vezes e decidiu investir no calçadão do Moda Center para dar melhor condições aqueles comerciantes.

O projeto que foi desenvolvido é um projeto arrojado, que tem uma boa estrutura para a população, no entanto, não deixa perder a característica de feira popular, que é uma das grandes preocupações dos que ali comercializam. Apesar de ser uma estrutura onde será ofertado estacionamento, praça de alimentação, baterias de banheiro, os corredores alinhados com os corredores do Moda Center, todas as bancas padronizadas mas não perdem essa característica da feira de Santa Cruz.

Comerciantes beneficiados

Hoje existem aproximadamente 3.300 pessoas que comercializam ali suas mercadorias, o projeto visa atender esse grupo de pessoas. Com a organização que foi feita, o projeto de engenharia e arquitetura que foi desenvolvido para aquele local, dá para acomodar hoje em torno de 3.400 pessoas que serão colocadas em três módulos, sendo estes módulos verde, branco e azul, onde serão distribuídos grupos de pessoas com os corredores alinhados aos do Moda Center, que vai dar de de frente com os blocos branco e amarelo, o que é mais uma facilidade para quem está no Moda Center. Hoje quem vai no calçadão ele tem praticamente um único corredor de acesso. Com o novo projeto aquela área se tornará um acesso livre, inclusive cumprindo a lei que diz que deve ter as entradas unificadas, uma outra vantagem que será oferecida aos comerciantes.

Origem dos valores do investimento

O valor total do projeto gira em torno de pouco mais de 11 milhões de reais, a prefeitura municipal, através do governo do estado, está investindo 1,5 milhão que é o total do piso de toda estrutura que será colocado lá. Há uma escassez de recursos públicos mas o prefeito Edson Vieira, quando teve a oportunidade de ter acessos a esses recursos, ele investiu direto no calçadão, foram 2 milhões de reais através do FEM, uma linha de recurso que o governo disponibilizou para alguns municípios, nossa cidade foi contemplada com 2 milhões, então o prefeito separou 500 mil para um equipamento de saúde e 1,5 milhão para investir no calçadão. Hoje não temos outros investimentos, destinados a esse projeto, a não ser dessas fontes aqui citadas. Esperamos que outros políticos da região, que tem acesso a outros recursos possam fazer os seus investimentos naquele local.

Mobilidade e estrutura

O município vai investir na questão do acesso ao calçadão, já encaminhamos para que seja feita a licitação da rua paralela ao Moda Center, que é a rua Helena Neri, essa será a primeira etapa e a segunda etapa será a pavimentação até o calçadão. Os compradores que vem a nossa cidade, eles terão uma pista de acesso direto ao calçadão, o que vai facilitar o comércio naquele local, já que está sendo investido também em estacionamento naquela área. Haverá uma área que se pode estacionar de 70 a 100 ônibus e também quase 200 veículos, tudo próximo ao calçadão.

Mais de 20 baterias de banheiro serão colocadas, inclusive banheiros para pessoas com mobilidade reduzida, proporcionando higienização a comerciantes e compradores.

A omissão do deputado José Augusto Maia

Infelizmente, podemos dizer com tristeza, não houve ainda por parte do deputado federal nenhum encaminhamento ou entrega de valores de suas emendas para esse projeto, mas nós continuamos de braços abertos, estamos fazendo uma administração pensando no povo e vamos aguardar até o início das obras que seja encaminhado algum valor, se houver esse aporte por parte das emendas do deputado, irá diminuir consideravelmente para os comerciantes que irão investir ali. Isso não seria uma ajuda, mas sim, uma obrigação daquele que exerce um mandato dado pelo povo, que ele faça também os investimentos, ele é conhecedor dos problemas que aquelas pessoas enfrentam e como ele tem à disposição, como foi citado por ele mesmo, de um volume de recursos considerável, nós vamos esperar, não uma ajuda, mas que o compromisso seja cumprido, de auxiliar as pessoas que ali vendem suas mercadorias.

Bancas e localização

Tivemos uma preocupação de como serão as bancas, por que quando se usa esse material pré-moldado, isso muda a característica de feira e a fiscalização entende que ali existe um estabelecimento fixo. A comissão, juntamente com o prefeito e alguns feirantes, está estudando para que as bancas fiquem padronizadas, que sejam feitas de ferro ou madeira, tudo de forma que permaneça com a característica de feira popular. Quanto a localização, algumas pessoas ficam preocupadas e se perguntam; para onde eu vou depois que for construído o novo calçadão? Não haverá mudança do local onde o feirante vende a sua mercadoria, por que as linhas de bancas permanecem na mesma estrutura, o que vai mudar é que alguns locais ganharão corredores, seguindo o alinhamento dos mesmos corredores do Moda Center. A pessoa que vende na sua localidade já conhecida, ela permanece, até porque isso facilita para o cliente. De repente o cliente já sabe onde o feirante vende e ele vai chegar e localizar no mesmo local, a diferença é que vai está em um piso decente, vai está coberto, ter banheiro, ter praça de alimentação e ter estacionamento mas o local da banca do feirante é o mesmo. Existe uma comissão formada por feirantes que está acompanhando passo a passo o projeto que está sendo desenvolvido.

Valores para os feirantes

Os próprios feirantes sinalizaram os pontos que são mais valorizados da própria cultura já existente entre eles, para que nós pudéssemos fazer a distribuição. A localização de alguns pontos terá valor diferenciado por serem mais valorizados. Começando do maior para o menor, existem pontos que estarão em torno de R$ 2,850,00, neste caso, será feito uma entrada de 10% desse valor e ficarão 15 parcelas no valor de R$ 170, então se dividir isso por feira, obtém-se valores aproximados a R$ 60, R$ 40 por feira, isso para esses pontos melhores, só para exemplificar. Há outro volume de bancas que tem entrada de R$ 350 mais parcelas de R$ 210 por mês, que se nós dividirmos, dá pouco mais de R$ 50 por feira e há um outro grupo de quase 400 bancas que tem o valor de R$ 1,500,00 com a entrada de 10% e um valor mensal de R$ 90 por mês, o que dá em torno de R$ 22 por feira. Os valores ficaram bem acessíveis à população, porque é um trabalho que é feito em parceria com o povo, há o investimento da parte do poder público com os recursos do FEM para a construção do piso e mais esse investimento do acesso com o calçamento ligando diretamente ao calçadão. Esses valores serão tratados diretamente com a construtora que está elaborando o projeto.

Prioridade aos feirantes já existentes no calçadão

Quando foi feita a ampliação do Moda Center, havia a promessa do responsável pela ampliação, de que as pessoas que estavam no calçadão seriam aquelas que teriam acesso. Infelizmente não foi isso que aconteceu, houve uma comercialização daqueles boxes e as pessoas que estavam no calçadão permaneceram lá.

Nós pensamos diferente, o diretor de feiras Sérgio Colino, fez um excelente trabalho de cadastramento dos feirantes que existem ali. O que foi determinado pelo prefeito Edson Vieira é que a prioridade de acesso a esse novo projeto do calçadão, serão para aquelas pessoas que já comercializam lá. O prefeito já está vendo a possibilidade de tornar a lista de nomes, pública. 
Todos aqueles que vendem hoje no calçadão, esses sim, é que terão prioridade.


Por Paulo Pereira

do PEmais

Por Emanoel Glicério | Marcadores: ,


Por Emanoel Glicério |


Na noite desta Sexta-feira (26), a vereadora Jéssyca Cavalcanti (PTC) iniciou o projeto Comunidade em Debate, que aconteceu na Rua Henrique Barboza Ferreira no Bairro Polis Pacas. O projeto tem o objetivo de ir aos bairros da cidade e ouvir a população, saber quais as necessidades da comunidade e em seguida tentar resolver os problemas em conjunto com os poderes executivo, legislativo e judiciário, atendendo assim os anseios dos que fizeram as reivindicações.

Na primeira edição do projeto foi unanimidade a questão que trata da legalização do loteamento perante o cartório de registro de imóveis, pois um grande número de proprietários de residências no bairro não conseguem escriturar seu imóveis. Além da vereadora Jéssyca, também participaram do evento, integrantes do MTST ( Movimento do Trabalhadores Sem Teto), o secretário de Planejamento e Gestão do município Luciano Bezerra.

A vereadora juntamente com o secretário se comprometeram em tentar uma solução para o problema dos registros dos imóveis o mais rápido possível.

Para reverendo Marcos Cosmos coordenador do MTST esse é um projeto de suma importância para o povo, pois os políticos têm que ir onde o povo está. “Esse projeto deve ser copiado por todos os políticos e levarei esse exemplo para todas as palestras que for ministrar a partir desse momento” comentou.


Jessyca se mostrou satisfeita com o resultado “É dessa forma que pretendemos desempenhar nosso papel de agente pública. Visitaremos os bairros e ouviremos os cidadãos”, pontuou a parlamentar que na ocasião agradeceu o secretário Luciano Bezerra pela presença e pelo trabalho desempenhado. “Quero agradecer ao secretario Luciano que não tem medido esforços para resolver os problemas da  cidade, ele tem sido um parceiro importante” finalizou.




Por Emanoel Glicério | Marcadores:


A administração do Moda Center Santa Cruz deu início, na última quarta-feira (24), o recapeamento asfáltico dos estacionamentos laterais do condomínio. Este é o primeiro recapeamento que os estacionamentos laterais recebem desde que o parque foi construído, em 2006.

Diferentemente do asfalto existente, conhecido como Tratamento Superficial Duplo (TSD) – uma espécie de revestimento flexível econômico de pequena espessura, o asfalto que está sendo aplicado desta vez tem qualidade superior e uma durabilidade acima de 15 anos.

“Estamos utilizando Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ), com uma espessura de 3 centímetros, que garante maior durabilidade, flexibilidade, estabilidade e resistência”, disse Paulo Gusmão, diretor da Ancar, empresa responsável pela obra. Segundo Paulo, a via atualmente calçada, conhecida como a retaguarda do Moda Center, também receberá uma cobertura asfáltica de 5 centímetros.

“O Moda Center está arrumando a casa para receber bem os nossos clientes. Foram providenciais as ações de tapa-buracos que fizemos nos estacionamentos laterais, mas precisávamos fazer um trabalho mais sólido, que durasse vários anos. Então, aproveitamos o projeto de asfaltamento da área frontal para contemplar também as áreas laterais, o que proporcionará mais conforto e segurança para os clientes e condôminos do Moda Center, disse o síndico Valmir Ribeiro.

Em no máximo 20 dias, o recapeamento dos estacionamentos laterais estará concluído, já o asfaltamento de toda a área frontal deverá ficar pronto em até 80 dias.

Por Emanoel Glicério | Marcadores:


A Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe vem incentivando as mais diversas práticas esportivas no município, entre elas o futebol amador, realizado pela Liga Desportiva Santa-Cruzense. Mais de 50 times da zona urbana, rural e de outros municípios participaram do campeonato, que é o maior do interior de Pernambuco. A final do Campeonato de Futebol Amador 2013 aconteceu no último sábado (27), no Estádio Municipal Ari Barbosa.



O prefeito Edson Vieira, o vereador Dida de Nan e o diretor de esportes Rubens Monteiro participaram da entrega dos troféus e premiação aos times campeões e aos atletas que se destacaram no campeonato.



O vencedor da segunda divisão foi o Rivel, da Magana, zona rural de Santa Cruz do Capibaribe, já o campeão da primeira divisão do campeonato foi o time União, do sítio Impueiras, de Jataúba.




O prefeito Edson Vieira parabenizou todos os atletas, organizadores do campeonato, o público que prestigiou os jogos e reforçou o compromisso de fazer o que for possível para incentivar o futebol amador: “vamos fazer novas melhorias no Estádio Municipal para que o peladeiro possa desenvolver um bom futebol, eu já disputei esse campeonato e sei que não é fácil, por isso procuramos incentivar cada vez mais o esporte em nossa cidade”, disse o prefeito.







Por Emanoel Glicério | Marcadores: , , ,


Após a realização de pré-conferências de todos os programas, a Secretaria de Cidadania e Inclusão Social e o Conselho Municipal da Assistência Social realizaram na sexta-feira (26), no Centro de Convivência dos Idosos (CCI), a VII Conferência Municipal da Assistência Social que trabalhou o tema: “A gestão e financiamento para efetivação do SUAS”.

O Prefeito Edson Vieira (PSDB) participou da abertura do evento e frisou a importância da realização desta conferência que oferece ao poder público a oportunidade de discutir junto a entidades e sociedade civil onde poderão ser aplicados os recursos destinados ao desenvolvimento de políticas públicas para o setor. “Nosso governo está a serviço das melhorias para o cidadão, por isto, estamos abertos a discussões nas quais elencaremos as prioridades, para que possamos colocar em prática algo que a gente saiba que realmente vai melhorar a qualidade de vida do santa-cruzense”, ressaltou.   

A Coordenadora do CREAS Regional do Agreste Setentrional, Maria Rosemaura, ministrou uma palestra que abordou o tema central da conferência, na qual de forma didática explanou quais as diretrizes e serviços do SUAS (Sistema Único de Assistência Social), que tem importância equivalente ao SUS (Sistema único de Saúde) para a saúde. “É de suma importância que os trabalhadores, gestores municipais e usuários dos programas estejam engajados em propostas que deliberem ações de efetivação do SUAS, eles são os protagonistas que vão propor as reivindicações que serão levadas para as conferências a nível estadual e nacional”, observou.
Além do Vice-Prefeito Dimas Dantas (PP), secretários e integrantes dos programas da Secretaria de Cidadania e Inclusão Social, representantes da Igreja Católica, de entidades e sociedade civil também participaram da Conferência da Assistência Social. “Nós da igreja também temos nosso papel social servindo a todos na igualdade dos direitos e serviços sociais, estamos participando dessa conferência para contribuir com as propostas que visam suprir as necessidades da população”, disse o Padre Carlos Augusto, administrador da Paróquia de Nossa Aparecida.

De acordo com o Secretário de Cidadania e Inclusão Social, Gilson Julião, a conferência é um momento de conferir o que aconteceu durante os últimos dois anos na política municipal da assistência social e traçar um planejamento para os próximos quatro anos em discussão com a sociedade. “A contribuição nas discussões é muito importante para o fortalecimento do SUAS no nosso município”, pontuou.   

A conferência contou com apresentações culturais, discussão e elaboração de propostas em quatro eixos temáticos (O Cofinanciamento  Obrigatório da Assistência Social; Gestão do SUAS: Vigilância Socioassistencial, Processos de Planejamento, Monitoramento e Avaliação; Gestão do Trabalho, Serviços e Programas e a Gestão dos Benefícios no SUAS e Regionalização) e a eleição dos dez delegados e dez suplentes que vão representar o município na conferência a nível estadual, ficando como os titulares representantes do governo: Flávio Oliveira, Leonardo Glicério, Jailma Moura, Tereza D’ávila e Socorro Souza e da sociedade civil: Daniel Xavier, Jaine Alves, Fátima Oliveira, Adejoane Pires e Carla Aragão.    

Por Emanoel Glicério | Marcadores: , ,


Para os são-caetanenses o mês de agosto se inicia com a festa do Padroeiro São Caetano. Ou, a Festa de Agosto como também é conhecida. São 176 anos de festa e tradição, ou seja, antes mesmo da emancipação da cidade, que tem 84 anos.

 Diferentemente dos anos anteriores, as barracas e os parques ficarão separados da área reservada para o público. Com a nova estrutura haverá mais espaço e segurança para as pessoas curtirem a festa.

Os shows acontecem na praça Josué Gomes, com horário previsto para iniciar às 22h. Serão cinco dias de festividades e passarão pelo palco principal 12 atrações.

Segue abaixo a programação:

Dia 3 – Sábado

Los Quatro
Capim Com Mel

Dia 4 – Domingo

Trio e Banda Asas da América (concentração a partir das 14h)
Orquestra Nostalgia
Taradões do Forró

Dia 5- Segunda-feira

Marreta é Massa
Gabriel Diniz

Dia 6 – Terça-feira

Banda A Positivo
Adriano Marley
Dorgival Dantas

Dia 7 – Quarta-feira

Bidinga do Acordeon
Geraldinho Lins

A programação religiosa começa a partir do dia 29 de julho, com a procissão da bandeira, que tem início às 18h30. Além de novenas, missas, quermesses, leilão de gado e shows pirotécnicos.

Por Emanoel Glicério |


O deputado estadual Diogo Moraes (PSB) participou do programa “Nordeste em Foco” desta quinta-feira (25). O deputado falou sobre o adiamento da vinda do governador Eduardo Campos (PSB) a Santa Cruz do Capibaribe, que estava prevista para acontecer hoje.

Segundo Diogo, o adiamento se deu por ajustes na agenda administrativa que Eduardo virá cumprir na cidade.


“A data da vinda do governador a cidade será divulgada dentro de poucos dias, pois queremos aproveitar a vinda dele para entregar obras concluídas e projetos que serão anunciados para todo o Pólo de Confecções. O governador tem uma extensa pauta de serviços para nossa região e em breve a população poderá recebê-lo para um dia que será repleto de muitos compromissos”, disse o deputado estadual.

Por Emanoel Glicério |

Com o tema: “Política Nacional de Resíduos Sólidos”, a cidade de Santa Cruz do Capibaribe realizou nesta quarta-feira (24), a sua 1ª Conferência Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade. O evento que foi promovido no Teatro Municipal é um a realização da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Agrícola e Meio Ambiente, através da Gestão Meio Ambiente e Rio Capibaribe.



A conferência contou com apresentações de palestras sobre o Comitê da Bacia do Rio Capibaribe, com o representante da Agência Pernambucana de Águas e Clima, Alex Lima, até a importância da redução do impacto ambiental a partir da produção de sabão com óleo usado no dia-a-dia, apresentado por Jadiailson Francisco (Presidente do Conselho Municipal de Assistência Social).



No período da tarde foram formados grupos de trabalho com os temas; Produção e Consumo Sustentável; Redução dos Impactos Ambientais; Geração de Emprego, Trabalho e Renda e Educação Ambiental, posteriormente foram elaboradas as propostas dos grupos de trabalho, finalizando com apresentação das propostas, eleição dos delegados para a Conferência Estadual que será realizada na terceira semana de agosto.



O Gestor de Meio Ambiente, Pablo Ricardo, disse que a realização da Conferência foi positiva. “Tivemos uma boa participação popular e isto fez surgir ideias diferenciadas sobre as áreas mais preocupantes da cidade, pois é na educação ambiental que certamente irá receber um bom investimento por parte do poder público”, falou.



A estudante Amanda Wedja, da Escola de Referência Luiz Alves, falou da importância de iniciar nas escolas a educação ambiental, preservação e conservação do Rio Capibaribe “Está conferência é importante para conscientizar as pessoas o quanto o meio ambiente é importante na sociedade, pois não adianta a gente fazer uma limpeza no rio Capibaribe se não tivermos uma educação ambiental e a população continuar jogando lixo no rio”.



Para a professora da Escoa Padre Zuzinha, Cláudia Regina, “estas conferências promovem, divulgam e informam a sociedade civil sobre a necessidade de conservar o ambiente onde vivemos para podermos desfrutar melhor os recursos naturais”.



O prefeito Edson Vieira, abriu o encontro e falou da importância da preservação do Meio Ambiente com políticas públicas eficientes para o setor. “Esta Conferência serve para debatermos a importância que cada um tem para a educação ambiental, onde em um futuro breve iremos receber os benefícios dessa Educação, por isso nos preocupamos em promover políticas públicas no segmento”. Ele completou ainda sobre a cidade que recebeu o certificado do seu aterro sanitário. “Mesmo com todas as dificuldades que encontramos o município, com muita determinação conseguimos viabilizar o certificado do nosso Aterro Sanitário, e hoje tenho a satisfação de receber este certificado, isto sim é fazer uma cidade para frente, uma Santa Cruz melhor para todos”, destacou o prefeito.







Nomes dos Delegados e suas representatividades:







Sociedade Civil, 3 representantes: Fábio Ferreira, MTST; Damião Bezerra Associação dos Catadores de Lixo e Verônica Valadares ASMUP;







Empresarial, 2 representantes: Katyane Michele CDL, e Juciara da ASCAP;







Governamental, 1 representante: Luiz Carlos, CONAMA.

Por Emanoel Glicério |

Após inserir mais um dia na grade de programação e anunciar uma nova estrutura, a Prefeitura Municipal de São Caetano anuncia mais uma novidade para a Festa do Padroeiro deste ano. Trata-se do Camarote da Acessibilidade, que será montado na Praça Josué Gomes, ao lado do palco principal. 

É a primeira vez que o município realiza uma festa e monta uma estrutura diferenciada, um espaço exclusivamente reservado  para os portadores de necessidades especiais.

O camarote comportará 40 pessoas, sendo 20 portadores de necessidades especiais, e 20 acompanhantes. As inscrições devem ser feitas no Gabinete da Prefeitura até o dia 2 de agosto. O horário de atendimento é das 7h às 13h. 

No São João da Moda de Santa Cruz do Capibaribe o Camarote da Acessibilidade foi um dos principais destaques do evento junino, recebendo elogios de representantes de entidade que atuam junto aos portadores de deficiências e das principais atrações do evento.

Por Emanoel Glicério |


A prefeitura municipal de Santa Cruz do Capibaribe, através da Secretaria de Serviços Públicos, está realizando um trabalho de patrolamento e reestruturação das estradas que ligam a sede do município à zona rural. Na manhã desta quinta-feira, 25 de julho, a estrada que dá acesso a Vila do Pará começou a receber um trabalho de melhoramento da via que receberá aterro nos locais mais críticos.  



O Subprefeito da Vila do Pará, Zé Boi, informou a importância desse trabalho para a população da zona rural. “Essa açaõ é muito importante para o homem do campo que necessita trafegar pelas estradas para trabalhar, estudar ou resolver alguns assuntos na sede do município. Sabemos que no período de chuvas as estradas necessitam de reparos e nossa administração está voltada para realizar ações para o bem do povo nos quatro recantos do município”, disse.



Em breve, o município terá um incremento na sua frota com a vinda de mais duas retroescavadeiras e cinco caçambas próprias.   

Por Emanoel Glicério |


A ponte que liga o bairro São Cristóvão ao Rio Verde se encontra interditada por problemas estruturais, o projeto para reconstruí-la já está em fase final e o começo do trabalho está previsto para o inicio de agosto.



Ao longo do tempo a ponte sofreu diversas degradações e reparos não adiantam mais como informa o Secretário de Planejamento e Gestão, Luciano Bezerra. “Não dá mais para fazer reparos paliativos nesta ponte de acesso ao Rio Verde, temos um projeto para restauração e de acordo com nossas projeções a mesma estará pronta para a população no final de setembro”. Luciano também pediu a colaboração da população para que aguardem um pouco mais para poder trafegar pela via sem maiores transtornos.



A reforma da ponte passará por três (3) fases, engenharia que já está bastante adiantada, dispensa de licitação e posteriormente execução da obra.


Por Emanoel Glicério |


O Consórcio Público Intermunicipal do Agreste Pernambucano e Fronteiras (CONIAPE) se reuniu na tarde desta quinta-feira (25), em Taquaritinga do Norte, o encontro foi marcado pela presença de 15 representantes dos 17 consorciados e alguns secretários municipais.

O primeiro tema debatido foi o orçamento mensal que será destinado por cada município, no segundo momento, debate se voltou para mecanismos de diminuição dos custos tanto em saúde pública quanto em previdência própria, além das discussões acerca da adequação da gestão monitorada, através do consórcio.

"Diminuir gastos, este é desafio de todos os gestores de nosso país e através do CONIAPE, com a colaboração de todos, vamos conseguir nossos objetivos, que é a diminuição de despesas, sobrando mais recursos para investirmos em benefícios para nossa população”, disse o prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira (PSDB).     

Integraram a comitiva de Santa Cruz do Capibaribe o Secretário de Planejamento e Gestão, Luciano Bezerra e do Procurador do Município, Marcelo Diógenes.   

Por Emanoel Glicério |

Será realizado na noite desta sexta-feira (26), às 20h, a primeira edição do "Comunidade em Debate", evento promovido pela vereadora Jéssyca Cavalcanti (PTC) que pretende visitar os bairros e ouvir os anseios da população.

"Essa é uma proposta que tenho como agente pública de acompanhar de perto as demandas da população. O “Comunidade em Debate” será um espaço onde o cidadão poderá ter vez e voz”, disse a vereadora.

O primeiro bairro que irá receber o encontro será o Polispacas e todos os moradores da localidade são convidados a participar e interagir.

Por Emanoel Glicério | Marcadores:


Depois que a pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) publicada nesta quinta-feira (25) colocou o governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, como o mais bem avaliado entre os 11 Estados da sondagem, a notícia circulou o Brasil e foi comemorada pelos socialistas de todo país.

Entretanto, os números divulgados apontam para outro dado: em dois anos, a avaliação do governo de Eduardo Campos caiu 21%, levando em consideração a última pesquisa Ibope, divulgada em dezembro de 2011. Naquela oportunidade, o governo do socialista era avaliado por 79% dos pernambucanos. Em 2013, o número despencou para 58%.

A avaliação pessoal do governador também foi reduzida em comparação com a mesma pesquisa. Em 2011, Eduardo Campos tinha 89% de aprovação e hoje possui 76%. Apesar da queda de 13%, ele ainda permanece como o governador mais bem avaliado do Brasil. Situação que o credencia ainda mais para o seu grande sonho – chegar ao Palácio do Planalto em 2014.

Do Blog da Folha

Por Emanoel Glicério |