A terceira edição do Papo Projovem, encontro dos coletivos do ProJovem Adolescente de Santa Cruz do Capibaribe, foi realizada no último domingo (15),  na Vila do Pará.

Cerca de 150 jovens que integram o ProJovem da sede do município, Vila de Poço Fundo e Cacimba de Baixo vivenciaram uma manhã de apresentações culturais e discussões sobre assuntos que são debatidos nos coletivos.

Preconceito, prostituição, bullying, homoafetividade, sexualidade, DST’s, gravidez na adolescência e discriminação foram algumas temáticas que geraram interação entre monitores, oficineiros e alunos que relataram experiências de vida, apresentaram seus pontos de vista e levaram aprendizado aos participantes.

O coordenador do ProJovem, Diógenes Rodrigues, ressaltou a satisfação e o sucesso dessa primeira edição do evento fora da sede do município. “O nosso objetivo é levar este momento de interação e manifestações culturais a todos os recantos da cidade, queremos descentralizar as atividades do ProJovem”.

A monitora do coletivo da Vila do Pará, Erilda Ramos, relatou a alegria de receber o Papo Projovem no distrito. “Moradores e alunos da localidade tiveram a oportunidade de conhecer novas pessoas, trocar ideias e debater temas importantes que auxiliam no bom convívio social”, disse.

“Gostei muito dos debates sobre preconceito e homoafetividade, pois considero que todas as pessoas têm o seu jeito único de ser e merecem ser felizes, independentemente da opção sexual”, ressaltou a aluna de 15 anos Gabriele Barbosa. 

Por Emanoel Glicério | Marcadores:

0 comentários: