Os ex-prefeitos Toinho do Pará (PHS) e José Augusto (PROS) estão sendo obrigados a parcelarem dividas com alguns ministérios em Brasília do período em que estiveram à frente da prefeitura municipal.

Na semana passada o ex-prefeito José Augusto parcelou uma divida de R$ 50 mil com o Ministério do Turismo, referente ao São João de 2007 e ontem um emissário do ex-prefeito Toinho do Pará (PHS) foi a Brasília negociar uma divida de R$ 10 mil com o Ministério do Desenvolvimento Econômico referente ao CRAS.


No caso de José Augusto a quitação da divida era fundamental para a liberação de suas emendas parlamentares, caso contrário o município estaria incluso no CAUC, o que impossibilitaria a vinda de possíveis emendas do parlamentar.

Por Emanoel Glicério | Marcadores: , ,

0 comentários: